Arquivos de Categoria: Uncategorized

We need to talk about business turnover

See how the high turnover of professionals can be detrimental, and how HR can use technology to change this scenario

 

The English term ‘turnover’ is used in the corporative world to indicate the staff loss of professionals in a company.

New talent arrives but soon informs Human Resources that they are leaving the organization because they received a new proposal.

This is a case to illustrate that, with turnover, there is no retention of professionals within the company.

Why is turnover harmful to business?

Staff turnover is harmful for several reasons.

First, there are financial motivations.

The high turnover of professionals has effects on labor legislation. You pay the employee the labor benefits but he has not performed their duties for a long time.

This issue focuses on productivity: a sector suffers the consequences of not finding (or retaining) the ideal professional for the position. Deliveries of this sector are compromised.

Is turnover an internal or external problem?

There is a common consensus that turnover can be the result of a heated market, with many job opportunities and high demand by professionals.

It may be, but it is not just that.

 

High turnover may reflect on dissatisfaction with the company itself.

Some internal factor may be causing lack of motivation of new talent.

It can even be a signal that the employer branding is not performing well.

In other words, it is essential to establish an internal analysis to see if the picture can be improved to reduce these instances.

Decrease Turnover with Knowe

With the mentoring system of Knowe platform, it is possible to target turnover levels.

Startup technology uses learning to decrease turnover, and this can also effectively apply to employee recruiting.

 

In a partnership between the HR department and Knowe, it is possible to establish contacts with future candidates in a targeted and unique way. The organizational culture is widespread and highlighted in this process.

The new talent will receive, from an advocate of the company, all the information about the philosophy, mission, and style of expectations for this professional.

It’s a smart way to provide more assertive hiring that fills the needs of the company and the employer.

As a result, satisfaction increases and turnover decreases.

 

*

Check out these Knowe cases and contact our team today!

 

Mentoria promove a retenção de profissionais e maior diversidade na sua empresa

Que tipos de treinamentos internos e ações de promoção estão sendo desenvolvidos em sua companhia que levam em consideração a questão da diversidade?

Você sabia que mentoria promove a retenção de profissionais e maior diversidade na sua empresa?

Acredite: a afirmação acima não foi uma invenção do Blog da Knowe, nada disso!

Faz parte de uma pesquisa conduzida pela Escola de Relações Industriais e Trabalhistas da Universidade de Cornell, no Estado de Nova Iorque, Estados Unidos.

De acordo com o estudo, os programas de mentorias estão em constante ascensão em território norte-americano e, por influência, em diversos pontos do cenário corporativo ao redor do planeta.

O papel dos mentores está intimamente ligado ao DNA da Knowe, que é uma startup que oferece soluções corporativas para aprendizagem e identificação de embaixadores da marca. Isso é feito, justamente, por uma plataforma de mentorias.

O que diz o estudo

De acordo com o paper apresentado pela Universidade de Cornell, grandes companhias listadas pela revista Fortune afirmaram executar algum tipo de programa interno de mentoria.

Aos executivos ouvidos no estudo, foi feita a seguinte questão: quais as evidências de que trabalhos de mentoria estão promovendo a retenção de profissionais e maior diversidade na empresa?

Qual a natureza das mentorias nas grandes empresas

Conforme relatou a pesquisa, algumas das boas práticas apresentados quando o tema são as mentorias nas grandes empresas estão ligados a ações positivas em determinadas frentes.

Dentre elas, podemos destacar:

  • a promoção da diversidade interna;
  • ajudando os novos contratados a se ajustar às novas funções
  • desenvolvendo o potencial dos empregados.

Um dos pontos revelados pelo estudo sugere que, nas empresas pesquisadas, é de fundamental importância que o alto escalão da organização esteja envolvido nessas iniciativas como mentores ou na elaboração do processo em si.

É importante que a questão da diversidade não seja colocada, apenas, como um “assunto para o setor de RH”, mas que envolva todos os eixos fundamentais da companhia.

O benefício das mentorias para a diversidade

Difundir a diversidade nas grandes empresas é um desafio e, desde os anos 1980, pesquisas internacionais apontam que a utilização de programas com mentores tem se mostrado eficiente.

Quando abordamos a diversidade no mundo corporativo, tendo como cenário o mercado brasileiro, estamos falando de discutir e possibilitar a presença de mulheres, negros, indígenas e LGBTs nos quadros profissionais – de estagiário a executivo.

Há, ainda, fatores como níveis de escolaridade, religião, peso, idade e aparência e sua influência no relacionamento entre os colaboradores nas rotinas internas.

Os bons resultados das mentorias aparecem na retenção e promoção de profissionais, em todos os públicos internos.

Dentre todos os tipos de ações corporativas conduzidas nas companhias, como treinamento voluntário, recrutamento ou cross-training, as mentorias mostraram resultados mais positivos.

Utilize programas de mentorias em sua companhia

Se sua empresa ainda não possui nenhum tipo de programa focado nas mentorias, ela está fora de um panorama no qual se enquadram as grandes empresas multinacionais.

Quer saber como incluir esse tipo de atividade e, assim, constatar como a mentoria promove a retenção de profissionais e maior diversidade na sua empresa?

É hora de ter uma conversa com a Knowe. Fale conosco hoje mesmo e saiba como implementar, facilmente, essa moderna iniciativa em sua companhia.

 

Leia também:

Vídeos conferências ajudam no trabalho e na educação

 

Por que mais de 70% das 500 empresas listadas na Fortune possuem programa de mentoria

Se engana quem pensa que as iniciativas corporativas com mentores são registradas em pontos esporádicos do mercado.

Uma recente pesquisa divulgada pela Universidade de Cornell, localizada no Estado de Nova Iorque, Estados Unidos, mostra um quadro totalmente contrário – esse tipo de proposta já está bem estabelecida no mainstream dos grandes grupos.

Segundo o relato, mais de 70% das 500 empresas listadas na Fortune possuem programas de mentoria interna.

A Knowe é uma startup que oferece, por meio de mentorias, soluções para empresas e profissionais liberais que podem dar um upgrade na carreira por meio desse compartilhamento de conhecimentos.

Como é a revista Fortune

Fundada ainda nos anos 1930, a revista Fortune é um dos principais títulos ligados ao jornalismo de negócios, tendo como grande concorrente a igualmente popular Forbes.

A lista das 500 maiores corporações dos Estados Unidos é apresentada por um subproduto da publicação, a Fortune 500. A lista existe desde 1955 e envolve grandes organizações que possuem capital aberto.

Sendo assim, quando se referem a esse tipo de cenário, tenha certeza de que estão falando dos maiores players do mercado mundial.

Se uma prática, como é o caso dos programas de mentoria, está sendo utilizada em mais de 70% das 500 empresas listadas na Fortune, tenha certeza de que trata-se de um dado muito relevante.

Por que fazer mentorias nas empresas?

Como você já deve ter lido por aqui no Blog da Knowe, existem diversos pontos positivos de um programa de mentoria aplicado no dia a dia de uma corporação.

Selecionamos alguns abaixo:

Dá lugar a novos líderes

Com as mentorias da plataforma da Knowe, é possível estabelecer uma dinâmica de reconhecimento interno entre os diversos níveis hierárquicos da empresa.

É uma forma, por exemplo, dos diretores de cada área aplicarem esse tipo de atuação e, assim, dar oportunidades de crescimento em aprendizado e relacionamento a pessoas interessadas na equipe.

Retém talentos

Empresas que se apoiam em programas internos de mentoria têm registrado redução nos índices de turnover.

Algumas publicações, como a respeitada Harvard Business Review chega a relatar a “falta de iniciativas em mentoria” como um dos motivos que fazem o empregado abandonar o posto mais cedo.

Promove a diversidade

Já existem cases de programas de mentoria específicos para abordar o tema da diversidade.

A ideia dessas propostas é a de incentivar em grupos com menor representatividade no mundo corporativo, possibilidades de valorização e desenvolvimento de papéis de liderança.

Transmite a cultura da empresa

Os valores coletivos cristalizados na gestão de cada companhia podem ser transmitidos de forma bastante eficiente por meio das mentorias.

A cultura da empresa vai ser difundida a um público interessado e bastante especializado, sendo possível, até mesmo, formar embaixadores da marca.

 

Entre em contato com a Knowe e siga os passos de 70% das 500 empresas listadas na Fortune possuem programas de mentoria interna.

 

Leia mais:

O que fazem os embaixadores da empresa e como encontra-los

 

Como escolher o mentor correto de acordo com minha necessidade

A cada dia, o mercado nacional e internacional compreende e valoriza mais e mais a eficiência das mentorias na formação, treinamento e progressão na carreira de profissionais das mais diversas áreas.

No entanto, escolher o mentor correto de acordo com as necessidades é uma tarefa muito importante e passo fundamental para que os objetivos desejados sejam alcançados.

A Knowe oferece uma plataforma que integra mentores ao interessados no aprendizado e, por isso, é uma referência quando o assunto é conseguir bons resultados com esse tipo de troca de conhecimento.

Pensando nesse tema, o Blog da Knowe seleciona neste artigo alguns pontos que devem ser levado em consideração quando a proposta é a de escolher o mentor correto de acordo com as necessidades.

Por que os mentores são eficientes?

Aprender (e crescer) com mentores é um processo eficiente. Essa não é uma conclusão da Knowe.

Cada vez mais, estudos e cases ao redor do mundo colocam as mentorias como ferramenta ideal para o aprendizado, o treinamento e o direcionamento profissional.

Ter a experiência de alguém que já passou por onde você quer chegar se mostra uma proposta mais produtiva que ler artigos, livros e experimentar situações com base no acerto e erro.

O mentor é responsável por guiar suas escolhas e, além do conhecimento, transmitir a experiência dos caminhos previamente trilhados.

Mas, antes de simplesmente sair em uma busca acelerada, é preciso escolher o mentor correto de acordo com a sua necessidade.

Como escolher o mentor correto

Algumas medidas e perguntas devem ser estabelecidas na hora de escolher o mentor correto.

Para saber se ele vai atender às suas necessidades, é fundamental, antes de mais nada, definir quais são elas.

Quais as minhas necessidades?

Que tipo de necessidades e lacunas profissionais (dores) devem ser preenchidas com a mentoria?

Se elas forem devidamente identificadas, fica mais fácil “encaixar” as habilidades e o currículo do mentor com o que você busca como resultado.

Meu mentor é feliz na carreira?

Essa é uma pergunta bem simples, mas fundamental para a escolha do seu Advisor ideal.

É preciso saber se, naquilo a que se propõe, o seu mentor possui boas referências e uma jornada inspiradora.

Para tê-lo como guia nessa caminhada, é preciso que seja um tema que tenha resultado em bons frutos para o mentor – procure sua biografia, vídeos e participações em entrevistas e reportagens.

Eu consigo trabalhar com meu mentor?

Trata-se de um outro ponto que parece simples – mas não é.

Nem sempre a pessoa cuja carreira admiramos tem um estilo que, automaticamente, se encaixa com nosso ritmo ou sistema de trabalho.

É importante analisar o mentor pretendido, ler suas características e avaliações, antes de se aprofundar na mentoria.

A ideia é saber se os estilos estão alinhados e se é possível trabalhar em conjunto – não se esqueça que é preciso haver uma cooperação ou, no mínimo, um acompanhamento durante esse processo.

Vou crescer com essa mentoria?

Esse questionamento complementa o primeiro ponto colocado: é preciso ter foco de onde se quer chegar com a mentoria.

É uma oportunidade de organizar melhor o fluxo de trabalho e, posteriormente, saber se o investimento com a mentoria surtiu em bons resultados para sua carreira.

A Knowe tem a mentoria ideal para você

Quer escolher o mentor correto de acordo com a sua necessidade?

Utilize os mecanismos de busca na página da Knowe para encontrar o Advisor perfeito – ou seja, aquele que atenda a todos seus interesses.

É simples: você agenda uma sessão de mentoria com esse Advisor, uma Knowe Session – e confirma o pagamento.

A partir daí, basta investir em conhecimento, assistindo a essa sessão e, é claro, avaliando posteriormente o desempenho da mentoria, para que a ferramenta aprimore a experiência de aprendizagem.

Entre hoje mesmo no site da Knowe.

Leia também:

Em momentos de crise qual a melhor forma para crescer pessoalmente e profissionalmente?

 

Em momentos de crise, qual a melhor forma para crescer pessoalmente e profissionalmente?

Entenda o que um mentor pode fazer de diferente em sua jornada profissional e pessoal – e como conseguir encontrar um

 

Nos últimos tempos, o termo mentoria tem aparecido em diversos segmentos, como o profissional, econômico, educacional e até pessoal.

Mas qual a importância dos mentores em nossas vidas?

É justamente sobre esse assunto que o Blog da Knowe vai falar um pouco no artigo de hoje.

Trata-se de um tipo de relação de troca de experiências bastante proveitosa, que pode fazer toda a diferença em suas atividades (independente de qual seja).

Quem foram seus mentores?

Na infância e adolescência, muitas vezes dentro de casa, é possível observar quem são as figuras que te guiam no processo de aprendizagem para a vida.

Em alguns casos, são os próprios pais ou irmãos mais velhos os responsáveis por mostrar alguns pontos: “cuidado ao subir nessa árvore”, “não aceite nada de estranhos na rua”, “não coma as coisas do chão”, etc.

Em seguida, começam a surgir as figuras como os músicos, atletas e personagens do cinema e TV que passam a influenciar suas atitudes e condutas.

Essa é uma fase natural, mas não significam que são mentores, mas sim “ídolos”, que indiretamente fornecem algumas diretrizes no seu jeito de ser.

A escola e as mentorias

Então é no período escolar em que, finalmente, se aprende qual a importância das mentorias em nossas vidas?

Em parte, sim.

De fato, na escola é que o modelo de instrução passa a ser aplicado, desde a educação infantil, até o ensino superior e pós-graduação.

Mas ainda assim, a figura do mentor é diferente da de um professor.

Existem diversos ruídos como o volume de matérias, a idade em que são aplicadas, o momento social do aluno e, até mesmo, a qualidade dos docentes que podem prejudicar essa relação.

As mentorias são eficientes pois são focadas

A importância das mentorias em nossas vidas, seja na profissional ou pessoal, está ligada, principalmente, ao foco da proposta.

Na escola, o aluno é obrigado a seguir uma lista de presença. Nas mentorias, o interessado vai em busca dos conhecimentos do seu mentor.

Sendo assim, nesse caminho contrário, existe uma sede de ambas as partes na relação de parceria: o mentor está comprometido com o ensinamento e o aprendiz, por sua vez, está sedento pela instrução.

O que os mentores ensinam?

Nesse forte vínculo formado entre os aprendizes e os responsáveis pelas mentorias, é possível notar a forte presença de alguns valores, fundamentais para a vida desse “aluno”.

Destacamos algumas delas:

  • Responsabilidade: O mentor não vai ensinar o que é responsabilidade, mas suas palavras vão dar o peso que esse conceito exige na vida profissional; é preciso agir com responsabilidade e, cada vez que a voz do mentor for lembrada, esse tema vai ficar em evidência em sua atividade;
  • Motivação: Durante a vida, às vezes sem perceber, alguns caminhos deixam de ser trilhados por falta de motivação. Nas mentorias, esse será um importante combustível: se você quer, você pode; a figura do mentor estará focada em impulsionar seus pensamentos e convertê-los em ações – e, importante, também amparar no caso de eventuais falhas.
  • Conhecimento: Por fim, talvez o tema que resume qual a importância dos mentores em nossa vidas, que é o ato de transmitir seu aprendizado. Pela voz do mentor, o conhecimento direcionado e aplicado vai fluir e complementar os interesses dos aprendizes, sedentos para novos desafios em sua atuação profissional e pessoal.

Como encontrar o mentor ideal?

Gostou da proposta de ter uma mentoria para dar um upgrade em sua vida? Quer saber por onde começar a ter esses avanços?

Chegou a hora de você conhecer a plataforma da Knowe. Uma rede que integra, em um único e moderno ambiente, pessoas interessadas em aprender com mentores prontos para ensinar.

Acesse hoje mesmo o site da Knowe e dê o primeiro passo para a entender qual a importância das mentorias em sua vida – e começar a colher frutos dessa ideia!

 

Leia também: Ano Novo, carreira nova: como ter mudanças profissionais

We need to talk about business turnover

See how the high turnover of professionals can be detrimental, and how HR can use technology to change this scenario

 

The English term ‘turnover’ is used in the corporative world to indicate the staff loss of professionals in a company.

New talent arrives but soon informs Human Resources that they are leaving the organization because they received a new proposal.

This is a case to illustrate that, with turnover, there is no retention of professionals within the company.

Why is turnover harmful to business?

Staff turnover is harmful for several reasons.

First, there are financial motivations.

The high turnover of professionals has effects on labor legislation. You pay the employee the labor benefits but he has not performed their duties for a long time.

This issue focuses on productivity: a sector suffers the consequences of not finding (or retaining) the ideal professional for the position. Deliveries of this sector are compromised.

Is turnover an internal or external problem?

There is a common consensus that turnover can be the result of a heated market, with many job opportunities and high demand by professionals.

It may be, but it is not just that.

 

High turnover may reflect on dissatisfaction with the company itself.

Some internal factor may be causing lack of motivation of new talent.

It can even be a signal that the employer branding is not performing well.

In other words, it is essential to establish an internal analysis to see if the picture can be improved to reduce these instances.

Decrease Turnover with Knowe

With the mentoring system of Knowe platform, it is possible to target turnover levels.

Startup technology uses learning to decrease turnover, and this can also effectively apply to employee recruiting.

 

In a partnership between the HR department and Knowe, it is possible to establish contacts with future candidates in a targeted and unique way. The organizational culture is widespread and highlighted in this process.

The new talent will receive, from an advocate of the company, all the information about the philosophy, mission, and style of expectations for this professional.

It’s a smart way to provide more assertive hiring that fills the needs of the company and the employer.

As a result, satisfaction increases and turnover decreases.

 

*

Check out these Knowe cases and contact our team today!

 

High turnover is expensive for companies. Learn how to decrease it

Read on about the disadvantages that “in and out” can provide to businesses 

 

We’ve discussed turnover and the adverse effects on everyday business.

Now let’s talk about the costs of high turnover in the company.

It’s a myth that having a company in constant movement of human resources means an effervescence of talents continually renewing the functional body.

The constant entry and exit of employees impact both finances and productivity. Some numbers show how high turnover in the company is expensive.

How much does the “in and out” of employees cost?

You may not realize it, but Human Resources knows all too well about the costs of such movement.

Contractual terminations, labor rights, and other obligations all have their cost when a professional leaves the company.

But it doesn’t stop there.

An international study conducted by the Society for Human Resource Management verifies that employers need to invest between six and nine months of salary of a departing employee to find and train a replacement.

The study attests that if an employee has a salary of $ 5,000 – the whole process of replacement can cost between $ 30,000 and $ 45,000!

And how is all this value built?

Sectors that lose with high turnover

The exit of employees impacts Human Resources in several sectors, so the consequences of the reaction can turn into damage.

Julia Kantor posts on her blog in Huffington Post journal and discusses the adverse of high turnover.

One consequence is that high turnover in the company can lead to low engagement of the other workers of the sector.

Due to the interruption of processes and goals in progress, managers may have difficulties conducting activities with other employees.

Also interfering with productivity, company projects, and finances are the conversations and buzzings that emerge in the corridors.

There is a gradual loss in the team morale. Gossip and speculation rises – which does not lead to the good conduct of business.

Costs with hiring

There’s the recruitment process, search programs, and talent screening, and endless interviews.

After this, the integration and training begin.

During this process, productivity starts to slow down. After all, the new member can’t “get in on the act.”

Long, intense, and fundamental, often these steps are in vain.

If done in a disorderly way, without a focus, this can result in high turnover with the early departure of the employee.

It is necessary to adjust this search to avoid turnover and think about the valuation of employer branding.

Use Knowe in the recruitment process

Knowe offers corporate solutions that solidify and optimize the process of hiring and retaining new talent.

Through the mentoring system of the platform, it is possible to replace interviews that often do not achieve the desired result.

Knowe is a startup that enables the identification of brand advocates within the company, that are ideal for the transmission of corporate values.

Thus, hiring becomes a process of learning and improvement of the new talent.

In addition to using its network of collaborators, Knowe also allows the targeting of one of its Advisors, who can transmit knowledge and improve the selection of the future employee.

 

*

To avoid the cost of turnover, see these Knowe solutions.