Working mama: é possível conciliar carreira e maternidade?

A vida de uma mulher que quer crescer no trabalho ainda é muito desafiadora. A grande maioria das mulheres já passou, ou ainda passará pelo fatídico momento em que será preciso unir a vida profissional e a maternidade, que apesar de ser um trabalho árduo, também pode se tornar muito gratificante.

Conversamos com Suzie Clavery Pires Guimarães, que provou que a maternidade não é mais desculpa para deixar a carreira de lado. Ela atualmente trabalha como Global Digital Marketing Recruitment Leader na IBM, é fundadora e administradora do blog Maternidade em cena , é Knowe Advisor e ainda divide o seu tempo entre seu filho, Lucas de 1 ano e 5 meses e Alice, quem ainda carrega na barriga.

 

Como começou a sua carreira

Suzie começou sua carreira como designer gráfica, trabalhando em agências de publicidade, em editora e com mídias sociais. Visando ampliar seus horizontes, decidiu fazer sua pós graduação e se especializar em marketing.

Foi após essa especialização que ela começou a trabalhar com marketing para recrutamento na Michael Page, assumindo a liderança do marketing online para a América Latina. Depois de um tempo trabalhando no ramo, surgiu a oportunidade de trabalhar com esta mesma área na IBM.

Suzie: “Eu aprendi a humanizar o trabalho de atração de talentos na Michael Page… E depois de 1 ano, fui convidada a trabalhar na IBM com o desafio de abrir essa área que não existia no Brasil. Eles queriam inovações de recrutamento na área de recursos humanos.”

Novos caminhos e um grande desafio:

A primeira oportunidade de emprego na IBM, foi para trabalhar na área de marketing para recrutamento, e após 2 meses de espera, ela recebeu a notícia de que a empresa tinha achado a vaga correta para ela. Assim, ela começou a trabalhar com uma posição que ainda não era efetiva porém já era de grande responsabilidade.

Suzie: “Me chamaram para fazer parte da área de Talent acquisition Marketing e empowering the brand. Era uma área que ainda precisava ser completamente estruturada, ninguém nem sabia dizer exatamente o que era aquilo.”

Suzie teve então um grande desafio: desenvolver uma nova área para uma das maiores empresas do Brasil. Ela ficou insegura, pois estava prestes a se casar e estava trabalhando em uma posição temporária. Era muito desafiador continuar a construir uma área que ainda ninguém tinha grande conhecimento, e gerar uma boa visibilidade para empresa. Depois de um ano se esforçando muito, Suzie foi efetivada e a partir daí toda a sua carreira dentro da empresa começou a fluir.

Suzie:“Depois de mais ou menos 1 ano e meio trabalhando no Brasil, a mesma posição na América latina vagou, e então eu comecei a trabalhar nesta posição para o Brasil e América Latina, até encontrarem um profissional para suprir o meu lugar no Brasil e eu pudesse assumir exclusivamente a América Latina. Foi super legal  reproduzir lá o que eu já tinha feito no Brasil, mas também entender algumas particularidades do mercado, por exemplo, todas as estratégias de marketing que tiveram que ser readaptadas de acordo com cada cultura, para cada país. “

A importância das mídias sociais

As mídias sociais foram de grande importância para dar um UP na carreira da Suzie, que durante sua jornada, sempre teve que ter muito contato com o time Global de recrutamento, fazendo muitos treinamentos com foco em mídias sociais. O Brasil e, principalmente, a América Latina tiveram um desenvolvimento muito rápido de mídias sociais para a atração de candidatos.

Toda a direção de performance e conteúdo foi muito bem estruturada e serviu como exemplo com outros países que não sabiam como começar  a unir as mídias sociais e o recrutamento, o que levou  Suzie a se destacar perante o time global, que mais tarde acabou acarretando em uma promoção para sua posição atual de Global Digital Marketing Recruitment Leader.

Suzie: “Eu comecei a fazer todas as campanhas de recrutamento que passavam em todas as mídias sociais da IBM, e hoje eu estou trabalhando focada no LinkedIn, treinando recrutadores, e também na parte de Web, ajudando a IBM a melhorar a experiência online dos candidatos. Também faço a estratégia de posicionamento nessa nova era que estamos vivendo, construindo o ambiente online na parte de recrutamento de candidatos para que eles sejam atraídos para vagas da IBM.”.

A maternidade

Após ingressar no time global, no fim de 2014, Suzie descobriu que estava grávida. A insegurança feminina nesse momento sempre existe, a reação da empresa com  esse fato, é sempre imprevisível, podendo gerar conflitos para as futuras mães.

Suzie:“ Eu tive muito suporte da empresa nesse momento. Diferente de muitas empresas que ainda têm a mentalidade de “não vou contratar uma mulher que pode engravidar e pode prejudicar o trabalho”, a IBM valoriza muito a maternidade e a flexibilidade. Há diversos planos de apoio, como planos de saúde diferenciados, auxílio a medicamentos, entre outros.”.

A IBM oferece os 4 meses de licença maternidade, mais dois meses de licença visando  reter seus talentos femininos, valorizando a importância da amamentação, além de dar a oportunidade  de se fazer home office independente do momento de vida. Os chefes de Suzie, costumam trabalhar ao redor do mundo, sem uma estação fixa de trabalho, o que lhes dá flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar, contanto que estejam conectados e entregando suas demandas. Suzie sempre considerou sua carreira muito importante, mas com a maternidade suas prioridades mudaram, e estar em uma empresa que apoiava seu momento de vida foi um fator chave para ela ter uma gravidez tranquila e continuar traçando sua jornada profissional. Mas fazer equilibrar a tarefa de mãe colaboradora é um constante desafio.  

Suzie:“ Para fazer home office você precisa ser organizada e responsável. Muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre a dificuldade de fazer home office, tem dias que você tem mais demanda, outros menos. Na IBM tem o summer time que é você trabalha alocando os seus horários durante a semana e tem a sexta-feira livre.Muitas mães procuram ela para conseguir conciliar a carreira e a maternidade e muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre a dificuldade de fazer home office. A mulher não tem só um caminho para seguir, ser mãe ou profissional, e às vezes o mercado obriga a mulher seguir um só caminho, e isso é cruel.”

Para Suzie, não querer ser mãe é uma opção e tem que ser respeitada, mas quem quer ser mãe, não deve desistir de carreira. Buscar o equilíbrio entre carreira e maternidade sempre é uma boa opção!


O blog

Hoje em dia, tudo está na base do compartilhamento. Suzie sempre foi uma pessoa muito ativa, e quando o seu primeiro filho nasceu, a sua vida mudou muito. Ela sentiu a necessidade de desabafar sobre tudo o que ela viveu depois da gravidez, e então criou um blog chamado Maternidade em Cena. Lá, ela tenta de forma divertida compartilhar experiências da maternidade, como por exemplo, depressão pós parto, amamentação entre outros.

Suzie:“ Eu quis diferenciar no meu blog, escrever sempre foi uma paixão minha. O blog foi muito mais para mim, porque depois de tantos desabafos no Facebook, criei um espaço para desabafar e compartilhar essas experiências com outras mães. Por mais que você leia muito sobre os assuntos da maternidade, você só saberá quando for realmente mãe.”

O blog acabou se tornando mais uma responsabilidade e um novo seguimento para complementar o seu portfólio de ocupações. Hoje, além de blogueira, Global Digital Marketing Recruitment Leader e Knowe Advisor, Suzie ainda considera ser mãe uma das partes mais gratificantes em sua carreira. 

 

Gostou da história de Suzie? Venha conversar e trocar mais experiências com ela em uma Knowe Session!

Se você também deseja compartilhar algumas de suas experiências e prestar o serviço de mentoria, venha para a Knowe Community e se torne um Knowe Advisor!

Feliz dia das mães!

 

5 dicas para se preparar para sua Knowe Session

Se você ainda não sabe como se preparar para a sua primeira Knowe Session, confira as 5 dicar que irão te ajudar! 

Imagino que você tenha se cadastrado na Knowe a fim de se conectar com diferentes profissionais de mercado e pela oportunidade de trocar experiências reais, certo?

É normal questionarmos nossas escolhas e o momento no qual nos encontramos, conversar com um Knowe Advisor para entender melhor sobre seu momento atual e o que pode planejar para seu futuro vai ser muito benéfico tanto para a sua carreira, quanto para a sua vida pessoal.

A fim de te ajudar a se preparar para essa nova experiência, preparamos 5 dicas que podem te guiar em sua primeira Knowe Session, confira abaixo:

 

  1. Quais são suas dúvidas?

Lembre-se que o Knowe Advisor vai receber  sua solicitação com alguns temas de sua preferência. Então, é importante que você tenha na cabeça, ou mesmo num papel, os principais tópicos que você queira discutir, preparar 5 ou mais perguntas que você deseja saber de seu Advisor, vai te ajudar a ter uma Knowe Session mais proveitosa.

  1. Verifique seus equipamentos e dispositivos

A Knowe Session é um vídeo chat online, portanto para preservar e aproveitar todo o tempo dela, antes de iniciá-la, verifique se todas as funções do seu computador como conexão de internet, câmera, microfone e saídas de som, estão funcionando devidamente.

Se você pretende fazer a sua sessão pelo notebook, é importante que você esteja com ele completamente carregado ou mantenha o carregador por perto, caso tenha algum imprevisto durante o bate-papo.

  1. Não tenha vergonha

Conversar com pessoas que não conhecemos pode ser um grande desafio para alguns. Mas fique tranquilo, basta se comunicar de forma calma e educada. Caso seja de sua preferência, você pode fazer sua sessão apenas por áudio, basta clicar no ícone que desabilita sua câmera.

O Knowe Advisor está lá para compartilhar o conhecimento com você, tirar suas dúvidas sobre profissão e o mercado de trabalho e te contar experiências pessoais que te tragam bons ensinamentos, então aproveite este momento!

  1. Avalie

No final de cada Knowe Session, você precisa avaliar sua experiência e seu Advisor. Isso é muito importante para melhorarmos cada vez mais nossa plataforma e te oferecer uma experiência incrível.

  1. Venha ser um Knowe Advisor você também

Todos nós temos algo a compartilhar. Imagino que em vários momentos, você já deu conselhos e dicas a seus amigos e familiares sobre um determinado assunto que você domina.

Que tal fazer isso como um Knowe Advisor? Basta dar um upgrade em seu perfil clicando aqui

É rápido,fácil, e você ainda pode ganhar dinheiro compartilhando sua experiência.
Boa sorte, esperamos que aproveite essa experiência! Não se esqueça de convidar seus amigos, colegas e familiares, todos sempre temos algo a compartilhar = )

We need to talk about business turnover

See how the high turnover of professionals can be detrimental, and how HR can use technology to change this scenario

 

The English term ‘turnover’ is used in the corporative world to indicate the staff loss of professionals in a company.

New talent arrives but soon informs Human Resources that they are leaving the organization because they received a new proposal.

This is a case to illustrate that, with turnover, there is no retention of professionals within the company.

Why is turnover harmful to business?

Staff turnover is harmful for several reasons.

First, there are financial motivations.

The high turnover of professionals has effects on labor legislation. You pay the employee the labor benefits but he has not performed their duties for a long time.

This issue focuses on productivity: a sector suffers the consequences of not finding (or retaining) the ideal professional for the position. Deliveries of this sector are compromised.

Is turnover an internal or external problem?

There is a common consensus that turnover can be the result of a heated market, with many job opportunities and high demand by professionals.

It may be, but it is not just that.

 

High turnover may reflect on dissatisfaction with the company itself.

Some internal factor may be causing lack of motivation of new talent.

It can even be a signal that the employer branding is not performing well.

In other words, it is essential to establish an internal analysis to see if the picture can be improved to reduce these instances.

Decrease Turnover with Knowe

With the mentoring system of Knowe platform, it is possible to target turnover levels.

Startup technology uses learning to decrease turnover, and this can also effectively apply to employee recruiting.

 

In a partnership between the HR department and Knowe, it is possible to establish contacts with future candidates in a targeted and unique way. The organizational culture is widespread and highlighted in this process.

The new talent will receive, from an advocate of the company, all the information about the philosophy, mission, and style of expectations for this professional.

It’s a smart way to provide more assertive hiring that fills the needs of the company and the employer.

As a result, satisfaction increases and turnover decreases.

 

*

Check out these Knowe cases and contact our team today!

 

Working mama: é possível conciliar carreira e maternidade?

A vida de uma mulher que quer crescer no trabalho ainda é muito desafiadora. A grande maioria das mulheres já passou, ou ainda passará pelo fatídico momento em que será preciso unir a vida profissional e a maternidade, que apesar de ser um trabalho árduo, também pode se tornar muito gratificante.

Conversamos com Suzie Clavery Pires Guimarães, que provou que a maternidade não é mais desculpa para deixar a carreira de lado. Ela atualmente trabalha como Global Digital Marketing Recruitment Leader na IBM, é fundadora e administradora do blog Maternidade em cena , é Knowe Advisor e ainda divide o seu tempo entre seu filho, Lucas de 1 ano e 5 meses e Alice, quem ainda carrega na barriga.

 

Como começou a sua carreira

Suzie começou sua carreira como designer gráfica, trabalhando em agências de publicidade, em editora e com mídias sociais. Visando ampliar seus horizontes, decidiu fazer sua pós graduação e se especializar em marketing.

Foi após essa especialização que ela começou a trabalhar com marketing para recrutamento na Michael Page, assumindo a liderança do marketing online para a América Latina. Depois de um tempo trabalhando no ramo, surgiu a oportunidade de trabalhar com esta mesma área na IBM.

Suzie: “Eu aprendi a humanizar o trabalho de atração de talentos na Michael Page… E depois de 1 ano, fui convidada a trabalhar na IBM com o desafio de abrir essa área que não existia no Brasil. Eles queriam inovações de recrutamento na área de recursos humanos.”

Novos caminhos e um grande desafio:

A primeira oportunidade de emprego na IBM, foi para trabalhar na área de marketing para recrutamento, e após 2 meses de espera, ela recebeu a notícia de que a empresa tinha achado a vaga correta para ela. Assim, ela começou a trabalhar com uma posição que ainda não era efetiva porém já era de grande responsabilidade.

Suzie: “Me chamaram para fazer parte da área de Talent acquisition Marketing e empowering the brand. Era uma área que ainda precisava ser completamente estruturada, ninguém nem sabia dizer exatamente o que era aquilo.”

Suzie teve então um grande desafio: desenvolver uma nova área para uma das maiores empresas do Brasil. Ela ficou insegura, pois estava prestes a se casar e estava trabalhando em uma posição temporária. Era muito desafiador continuar a construir uma área que ainda ninguém tinha grande conhecimento, e gerar uma boa visibilidade para empresa. Depois de um ano se esforçando muito, Suzie foi efetivada e a partir daí toda a sua carreira dentro da empresa começou a fluir.

Suzie:“Depois de mais ou menos 1 ano e meio trabalhando no Brasil, a mesma posição na América latina vagou, e então eu comecei a trabalhar nesta posição para o Brasil e América Latina, até encontrarem um profissional para suprir o meu lugar no Brasil e eu pudesse assumir exclusivamente a América Latina. Foi super legal  reproduzir lá o que eu já tinha feito no Brasil, mas também entender algumas particularidades do mercado, por exemplo, todas as estratégias de marketing que tiveram que ser readaptadas de acordo com cada cultura, para cada país. “

A importância das mídias sociais

As mídias sociais foram de grande importância para dar um UP na carreira da Suzie, que durante sua jornada, sempre teve que ter muito contato com o time Global de recrutamento, fazendo muitos treinamentos com foco em mídias sociais. O Brasil e, principalmente, a América Latina tiveram um desenvolvimento muito rápido de mídias sociais para a atração de candidatos.

Toda a direção de performance e conteúdo foi muito bem estruturada e serviu como exemplo com outros países que não sabiam como começar  a unir as mídias sociais e o recrutamento, o que levou  Suzie a se destacar perante o time global, que mais tarde acabou acarretando em uma promoção para sua posição atual de Global Digital Marketing Recruitment Leader.

Suzie: “Eu comecei a fazer todas as campanhas de recrutamento que passavam em todas as mídias sociais da IBM, e hoje eu estou trabalhando focada no LinkedIn, treinando recrutadores, e também na parte de Web, ajudando a IBM a melhorar a experiência online dos candidatos. Também faço a estratégia de posicionamento nessa nova era que estamos vivendo, construindo o ambiente online na parte de recrutamento de candidatos para que eles sejam atraídos para vagas da IBM.”.

A maternidade

Após ingressar no time global, no fim de 2014, Suzie descobriu que estava grávida. A insegurança feminina nesse momento sempre existe, a reação da empresa com  esse fato, é sempre imprevisível, podendo gerar conflitos para as futuras mães.

Suzie:“ Eu tive muito suporte da empresa nesse momento. Diferente de muitas empresas que ainda têm a mentalidade de “não vou contratar uma mulher que pode engravidar e pode prejudicar o trabalho”, a IBM valoriza muito a maternidade e a flexibilidade. Há diversos planos de apoio, como planos de saúde diferenciados, auxílio a medicamentos, entre outros.”.

A IBM oferece os 4 meses de licença maternidade, mais dois meses de licença visando  reter seus talentos femininos, valorizando a importância da amamentação, além de dar a oportunidade  de se fazer home office independente do momento de vida. Os chefes de Suzie, costumam trabalhar ao redor do mundo, sem uma estação fixa de trabalho, o que lhes dá flexibilidade de trabalhar de qualquer lugar, contanto que estejam conectados e entregando suas demandas. Suzie sempre considerou sua carreira muito importante, mas com a maternidade suas prioridades mudaram, e estar em uma empresa que apoiava seu momento de vida foi um fator chave para ela ter uma gravidez tranquila e continuar traçando sua jornada profissional. Mas fazer equilibrar a tarefa de mãe colaboradora é um constante desafio.  

Suzie:“ Para fazer home office você precisa ser organizada e responsável. Muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre a dificuldade de fazer home office, tem dias que você tem mais demanda, outros menos. Na IBM tem o summer time que é você trabalha alocando os seus horários durante a semana e tem a sexta-feira livre.Muitas mães procuram ela para conseguir conciliar a carreira e a maternidade e muitas pessoas ainda tem dúvidas sobre a dificuldade de fazer home office. A mulher não tem só um caminho para seguir, ser mãe ou profissional, e às vezes o mercado obriga a mulher seguir um só caminho, e isso é cruel.”

Para Suzie, não querer ser mãe é uma opção e tem que ser respeitada, mas quem quer ser mãe, não deve desistir de carreira. Buscar o equilíbrio entre carreira e maternidade sempre é uma boa opção!


O blog

Hoje em dia, tudo está na base do compartilhamento. Suzie sempre foi uma pessoa muito ativa, e quando o seu primeiro filho nasceu, a sua vida mudou muito. Ela sentiu a necessidade de desabafar sobre tudo o que ela viveu depois da gravidez, e então criou um blog chamado Maternidade em Cena. Lá, ela tenta de forma divertida compartilhar experiências da maternidade, como por exemplo, depressão pós parto, amamentação entre outros.

Suzie:“ Eu quis diferenciar no meu blog, escrever sempre foi uma paixão minha. O blog foi muito mais para mim, porque depois de tantos desabafos no Facebook, criei um espaço para desabafar e compartilhar essas experiências com outras mães. Por mais que você leia muito sobre os assuntos da maternidade, você só saberá quando for realmente mãe.”

O blog acabou se tornando mais uma responsabilidade e um novo seguimento para complementar o seu portfólio de ocupações. Hoje, além de blogueira, Global Digital Marketing Recruitment Leader e Knowe Advisor, Suzie ainda considera ser mãe uma das partes mais gratificantes em sua carreira. 

 

Gostou da história de Suzie? Venha conversar e trocar mais experiências com ela em uma Knowe Session!

Se você também deseja compartilhar algumas de suas experiências e prestar o serviço de mentoria, venha para a Knowe Community e se torne um Knowe Advisor!

Feliz dia das mães!

 

5 dicas para se preparar para sua Knowe Session

Se você ainda não sabe como se preparar para a sua primeira Knowe Session, confira as 5 dicar que irão te ajudar! 

Imagino que você tenha se cadastrado na Knowe a fim de se conectar com diferentes profissionais de mercado e pela oportunidade de trocar experiências reais, certo?

É normal questionarmos nossas escolhas e o momento no qual nos encontramos, conversar com um Knowe Advisor para entender melhor sobre seu momento atual e o que pode planejar para seu futuro vai ser muito benéfico tanto para a sua carreira, quanto para a sua vida pessoal.

A fim de te ajudar a se preparar para essa nova experiência, preparamos 5 dicas que podem te guiar em sua primeira Knowe Session, confira abaixo:

 

  1. Quais são suas dúvidas?

Lembre-se que o Knowe Advisor vai receber  sua solicitação com alguns temas de sua preferência. Então, é importante que você tenha na cabeça, ou mesmo num papel, os principais tópicos que você queira discutir, preparar 5 ou mais perguntas que você deseja saber de seu Advisor, vai te ajudar a ter uma Knowe Session mais proveitosa.

  1. Verifique seus equipamentos e dispositivos

A Knowe Session é um vídeo chat online, portanto para preservar e aproveitar todo o tempo dela, antes de iniciá-la, verifique se todas as funções do seu computador como conexão de internet, câmera, microfone e saídas de som, estão funcionando devidamente.

Se você pretende fazer a sua sessão pelo notebook, é importante que você esteja com ele completamente carregado ou mantenha o carregador por perto, caso tenha algum imprevisto durante o bate-papo.

  1. Não tenha vergonha

Conversar com pessoas que não conhecemos pode ser um grande desafio para alguns. Mas fique tranquilo, basta se comunicar de forma calma e educada. Caso seja de sua preferência, você pode fazer sua sessão apenas por áudio, basta clicar no ícone que desabilita sua câmera.

O Knowe Advisor está lá para compartilhar o conhecimento com você, tirar suas dúvidas sobre profissão e o mercado de trabalho e te contar experiências pessoais que te tragam bons ensinamentos, então aproveite este momento!

  1. Avalie

No final de cada Knowe Session, você precisa avaliar sua experiência e seu Advisor. Isso é muito importante para melhorarmos cada vez mais nossa plataforma e te oferecer uma experiência incrível.

  1. Venha ser um Knowe Advisor você também

Todos nós temos algo a compartilhar. Imagino que em vários momentos, você já deu conselhos e dicas a seus amigos e familiares sobre um determinado assunto que você domina.

Que tal fazer isso como um Knowe Advisor? Basta dar um upgrade em seu perfil clicando aqui

É rápido,fácil, e você ainda pode ganhar dinheiro compartilhando sua experiência.
Boa sorte, esperamos que aproveite essa experiência! Não se esqueça de convidar seus amigos, colegas e familiares, todos sempre temos algo a compartilhar = )

Os cargos com maior aumento de salário de 2018 e como mudar de carreira

O ano que terminou deixou alguns números e conclusões sobre o mercado de trabalho, como por exemplo, quais os cargos com maior aumento de salário no período.

Ao término de mais uma etapa de negócios, chega a hora de saber quais os segmentos que tiveram maior destaque. Esse tipo de informação, para muitos, pode ser o incentivo que faltava para a tomada de decisões, como mudar de carreira, por exemplo.
O levantamento sobre os cargos com maior aumento de salário de 2018 foi elaborado pelo site Infomoney, com base em pesquisa desenvolvida pelo PageGroup.

O Blog da Knowe relaciona, abaixo, a lista sobre cada segmento.

Cargos com maior aumento de salário

A lista apresenta os cargos com maior aumento de salário de 2018, o segmento onde se encontra e o valor (%) do reajuste.

 

Cargo Área Reajuste
Business Partner Recursos Humanos 40%
Analista de Expansão Saúde e Life Science 40%
Gerente de Operações Supply Chain & Operações 35%
Gerente de Qualidade Saúde e Life Science 26%
Gerente Médico Saúde e Life Science 25%

 

De acordo com a análise dos organizadores do levantamento, um cenário de otimismo e crescimento positivo na economia tende a se repetir, também, no capital humano.

Como mudar de carreira

Informações de cenário econômico que traçam panoramas, como essa lista de cargos com maior aumento de salário, podem ter um efeito transformador a pessoas que estão pensando em como mudar de carreira.

A troca de atividade e, até mesmo, de mercado, pode ser uma proposta arriscada e trabalhosa – mas que deve ser considerada, de acordo com os níveis de satisfação que você sente por sua área de atuação.

Quer saber como mudar de carreira?

Busque informações através de uma imersão no novo segmento. Isso pode ser feito com a participação de um mentor.

Mentoring e mudança de rumos profissionais

O mercado corporativo, há muito tempo, já enxerga o potencial das mentorias na obtenção de resultados positivos.

A Knowe é uma startup que tem o objetivo de conectar mentores a pessoas interessadas em conhecimento. Esse relacionamento se dá por meio de uma plataforma amigável, com uma tecnologia rápida e acessível.

Sua chance de mudar de carreira passa pela Knowe.

Conheça nossa plataforma hoje mesmo, pesquise o seu segmento e encontre o mentor ideal.

 

Leia também:

 

Por que mais de 70% das 500 empresas listadas na Fortune possuem programa de mentoria